INAUGURAÇÃO DA CASA AUTÔNOMA DA FSSPX – BRASIL

Prosseguindo seus projetos de expansão no Brasil, convidamos a todos amigos e benfeitores para a inauguração da Casa Autônoma da FSSPX, dia 19 de março, em São Paulo.

As Casas autônomas

No organograma da Fraternidade Sacerdotal São Pio X, uma Casa Autônoma é um Distrito em formação.

O Superior de uma Casa Autônoma tem o mesmo papel que um Superior de Distrito. Nomeado pelo Superior Geral e seu Conselho para um mandato renovável de seis anos, tem sob sua responsabilidade a direção do apostolado em seu território, conforme os estatutos e o espírito da Fraternidade. A cada vez que a Divina Providência o permite, organiza a fundação de Priorados, segundo as necessidades e as circunstâncias do apostolado.

Quando uma Casa Autônoma chega a ter em seu território três Priorados, pode-se estabelecer um Distrito. Em certos casos, as circunstâncias do apostolado podem indicar a conveniência de unir uma Casa Autônoma a um Distrito vizinho maior ou que um novo Distrito seja formado unindo Casas Autônomas próximas.

Mais informações pelo contato@fsspx.com.br

BIZARRO – RETRATO DE UM MUNDO SEM DEUS

DA HOMOFOBIA À ROBOFOBIA – A ULTIMA FRONTEIRA DA REVOLUÇÃO

french-woman-lilly-robosexual-love-marry-robot

 

Fonte: Corrispondenza Romana – Tradução: Dominus Est

“Do casamento gay e lésbico ao “casamento robô”, passando pelo “auto-casamento””. Estes são os loucos, mas lógicos passos do atual processo de dissolução da instituição familiar, em nome do ilimitado princípio de auto-determinação individual. Se, de fato, guiamos as nossas ações e nossas escolhas por meros instintos e sentimentos de amor, sem qualquer filtro de ponderação, de razão e de bom senso, chega-se a resultados inverossímeis e surreais, pela qual cada um pretende reivindicar o direito de casar-se com quem “sente amar”, mesmo que seja, com si mesmo ou um despersonalizado e perturbador robô.

A este respeito, como dito pelo Dr. Michael Brown no charismanews, a popular revista norte-americana Good Housekeeping  publicou recentemente uma reportagem intitulada PORQUE CASEI COMIGO MESMA?

O auto-casamento é um pequeno, mas crescente movimento ao redor do mundo, que retrata a nova e incrível tendência dos “auto-casamentos.” O artigo analisa, de maneira detalhada, o pequeno mas crescente fenômeno dos “self-weddings”, contando histórias como a de Dominique, ” uma conselheira e ministra de auto-casamentos, que oferece serviços, incluindo sessões de aconselhamento e cerimônias privadas, através do seu site  Self Marriage Ceremonies (www.selfmarriageceremonies.com), operando a partir de sua casa no norte da Califórnia “.

A lista inclui de delirantes convites e auto-votos a serem pronunciados na ocasião da auto-união matrimonial, com promessas com esses conteúdos: “Eu nunca mais me deixarei”, “Prometo pedir ajuda quando estiver sofrendo“, “Prometo me olhar no espelho todos os dias e me sentir grato, “Prometo lhe dar a incrível vida que espera há tanto tempo.” Continuar lendo

SOBRE A ENTREVISTA DADA POR D. FELLAY…

..à TV Libertés, da França, no programa Terres de Mission n°17 e que  está causando tanta “comoção” sobre um possível acordo com Roma.

Enfim, não há nada de novo que D. Fellay diz há anos em qualquer Formação, Congresso ou visita, como a realizada aqui em Ribeirão em 2015!

Eis a transcrição…

Entrevistador: O Papa Francisco lhes fez a proposta de uma prelatura pessoal para a FSSPX. Com esta situação canônica os senhores mantêm uma independência dos bispos. Mons. Schneider, que visitou seus seminários insiste para que aceitem essa proposta, mesmo que a situação da Igreja não seja satisfatória em 100%. Não existe, com o tempo, um risco da criação de uma Igreja mais ou menos autónoma, autocéfala, se continuar essa situação de distanciamento constante com Roma, em respeito ao Papa, em respeito a cúria, em respeito aos bispos? O que o senhor espera para assinar uma proposta de Roma, a aparição na Sé de Pedro de um Pio XIII que todos nós esperamos?

D. Fellay: Creio que não precise esperar que tudo esteja resolvido na Igreja, de que todos os problemas estejam resolvidos. No entanto, existem uma série de condições que são necessárias e para nós a condição necessária é a condição de sobrevivência. Eu tenho dado a conhecer em Roma, sem qualquer ambiguidade, que da mesma maneira que Mons. Lefebvre disse em seu tempo: existe uma condição sine qua non, ou seja, se a condição não se cumpre, nós não nos movemos: que possamos permanecer tal como somos, ou seja, conservar todos os princípios que temos mantido, que são princípios católicos.

Na verdade, temos sérias censuras ao que aconteceu desde o Concílio, na Igreja, por certos homens: a famosa questão da maneira que se tem conduzido o ecumenismo, por exemplo, o que se chama liberdade religiosa, a relação entre Igreja e Estado, em seguida a liberdade de dar e a que título dar a todos a liberdade de exercer sua religião (…) e eu acredito que avançamos nesse caminho, na direção certa, ou seja, que Roma está cedendo.

É interessante que, há dois anos praticamente, que nos dizem que  há questões que foram enunciadas, propostas apresentadas pelo Conselho, que não são critérios de catolicidade. Isto significa que temos o direito de discordar e ainda assim ser considerados Católicos.
Continuar lendo

EXERCÍCIOS ESPIRITUAIS DE SANTO INÁCIO – 2017

Resultado de imagem para santo inacioPARA MULHERES

  • PETRÓPOLIS (RJ) – de 23 de fevereiro (19:00) a 28 de fevereiro 

Pregadores: Dom Lourenço Fleichman OSB e Pe. Carlos Herrera (FSSPX)

Vejam que haverá necessidade de pedir folga no trabalho na sexta-feira antes do Carnaval 

Valor : R$ 350,00 (70,00 a diária)

RESERVE AQUI O SEU LUGAR ou obtenha informações no e-mail (capela@capela.org.br)

Na confirmação da inscrição enviaremos detalhes de como chegar no local, lista de objetos a serem levados etc.

****************************

PARA HOMENS:

****************************

Todos os esforços são necessários para que cada um se organize de modo a poder participar do seu retiro anual. A alma que se dedica à obra dos retiros mantém-se na busca do amor de Deus, da correção dos seus defeitos, da presença ativa e eficaz nos assuntos do seu Priorado. Ao terminar seu retiro, não deixe de comunicar aos seus amigos e parentes a boa experiência e a mudança de vida que se opera pelos Exercícios de Santo Inácio. 

Assim como passear, caminhar ou correr são exercícios corporais, também se chamam Exercícios Espirituais os diferentes modos da pessoa se preparar e se dispor a tirar de si todas as afeições desordenadas para encontrar a Vontade de Deus, dispondo sua vida para a salvação de sua alma“. (Sto. Inácio)

DIVULGAÇÃO DA NOVA TRADUÇÃO DE “O CASTELO INTERIOR”, DE SANTA TEREZA D’ÁVILA

Prezamos amigos, leitores e benfeitores, louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

Alguns amigos estão fazendo a divulgação de uma nova tradução do excelente livro “O Castelo Interior”, de Santa Tereza d’Ávila, que pode ser baixada ou comprada.

Quem foi Santa Teresa?

Também conhecida como Santa Teresa d’Ávila, Teresa de Jesus nasce em 1515, na província de Ávila, Espanha. Aos vinte anos de idade, decide tornar-se religiosa contra a vontade do pai. Foge de casa e ingressa no mosteiro carmelita de Nossa Senhora da Encarnação. Durante três anos, padece de uma enfermidade grave e desconhecida. Chega a ser desenganada pelos médicos, mas se recupera de maneira inexplicável. Em seguida, atravessa um longo período de aridez espiritual ao fim do qual mergulha profundamente na vida de oração. Passa a receber graças extraordinárias, que infundem nela um imenso amor a Deus. Numa dessas ocasiões, entra em êxtase e vê um anjo a lhe transverberar o coração com uma seta de fogo. Por volta dos seus 47 anos, deixa o convento da Encarnação para fundar o Carmelo de São José, onde abraça todo o rigor original da Regra carmelita. Nessa altura, dá início à sua missão como fundadora andarilha. Viajando em carroça ou lombo de mula, abre dezessete mosteiros femininos e, com a ajuda de São João da Cruz, quinze conventos masculinos, além de reformar outros tantos. Morre em Alba de Tormes, aos 67 anos de idade. Em 1970, é proclamada Doutora da Igreja.

A jornada espiritual da alma para se unir a Deus

Santa Teresa deixou-nos, entre outros, o Livro da Vida, Caminho de Perfeição, O Castelo Interior, Poesias, Exclamações, cerca de quatrocentas cartas e numerosas poesias. Considerado por ela mesma sua obra-prima, O Castelo foi escrito em 1577 a mando do seu diretor espiritual, padre Jerónimo Gracián, que dava como perdido o autobiográfico Livro da Vida, confiscado pela Inquisição. Apesar das graves enfermidades que a afligiam e dos muitos afazeres, a santa obedeceu e se lançou freneticamente à tarefa de escrever.

O Castelo completa a mensagem das obras anteriores Vida e Caminho. De maneira mais discreta, sob o véu do anonimato, Teresa cria belíssimas metáforas para descrever as próprias experiências místicas, que interpreta à luz da Escritura. Logo nas primeiras páginas, ela nos apresenta a imagem que dá título ao livro: a alma é como um castelo de diamante com sete moradas (os sete estágios da vida contemplativa). A porta de entrada desse castelo é a oração, através da qual Nosso Senhor introduz a alma nas primeiras moradas e guia-a através das seguintes até chegar às sétimas moradas, onde ela alcança a perfeita união com Deus.

Baixe o ebook grátis:   logo-epub    logo-mobi    logo-pdf2

Ou compre o livro impresso:   logo-livraria-curitiba

COMEÇA, NA PRÁTICA, A “MISERICÓRDIA” DA IGREJA CONCILIAR….

…..no âmbito da comunhão para adúlteros.

Resultado de imagem para dubia amoris laetitia

Esse é apenas o início. Rezemos para que Nossa Senhora ouça nossas orações nesse centenário das aparições em Fátima!!!

ALGUMAS REPORTAGENS PARA LEITURA

QUEM QUER DESTRUIR A ORDEM DE MALTA

Por Roberto de Mattei, Corrispondenza Romana, Tradução: Hélio Dias Viana – FratresInUnum.com: 

“Muito antes que as Nações tivessem chegado a estabelecer uma lei internacional; muito antes que tivessem podido forjar o sonho – ainda não realizado – de uma força armada comum para proteção da sã liberdade humana, da independência dos povos e de uma pacífica equidade nas suas relações mútuas, a Ordem de São João já havia reunido em uma irmandade religiosa e sob a disciplina militar, homens de oito ‘línguas’ diferentes, votados à defesa dos valores espirituais, que constituem o apanágio comum da Cristandade:  a fé, a justiça, a ordem social e a paz.”

ordine-di-maltaEssas palavras, dirigidas em 8 de janeiro de 1940 pelo Papa Pio XII aos Cavaleiros da Soberana Ordem Militar de São João de Jerusalém, dita de Rodes e depois de Malta, resumem as características da mais antiga das Ordens de Cavalaria, o único Estado soberano cuja bandeira ondulou no campo das Cruzadas. Uma ordem cujo carisma tem sido sempre o da “Tuitio fidei et Obsequium pauperum” [Defesa da fé e serviço dos pobres]. É imaginável que um Papa queira destruir essa instituição, glória da Cristandade? Infelizmente, é precisamente esta a impressão que se tem  dos últimos acontecimentos relativos à Ordem de Malta.

Correspondência Romana ofereceu uma primeira reconstrução dos fatos em 24 de dezembro de 2016. Edward Pentin aprofundou e enriqueceu o cenário com novos detalhes no National Catholic Register de 7 de janeiro de 2017. O quadro, em resumo, é o seguinte: em 6 de dezembro, o Grão-Mestre da Ordem de Malta, Fra Matthew Festing, na presença de duas testemunhas, uma das quais era o cardeal-patrono Raymond Leo Burke, pediu ao chanceler Albrecht Freiherr von Boeselager que renunciasse. Com efeito, tinha vindo à luz que o chanceler Boeselager, durante o período em que foi o Grande Hospitalário da Ordem, havia abusado de seu poder promovendo a distribuição de milhares de preservativos e contraceptivos, inclusive abortivos, em alguns países do Terceiro Mundo. Apesar da promessa de obediência que o liga ao Grão-Mestre, o Grão-Chanceler recusou-se a renunciar. Contra ele foi então iniciado um procedimento para suspendê-lo de todas as posições que ocupava. Continuar lendo

MAIS HORROR – BOFF: AJUDEI O PAPA A ESCREVER A ‘LAUDATO SI’. HAVERÁ UMA GRANDE SURPRESA. TALVEZ PADRES CASADOS OU MULHERES DIÁCONOS.

Por Marco Tosatti| Tradução: André Sampaio – FratresinUnum:

Leonardo Boff, o bem conhecido expoente da teologia da libertação, concedeu uma entrevista ao jornal alemão Kölner Stadt-Anzeiger. Boff, que tem 78 anos, falou livremente sobre a Igreja, e revelou alguns detalhes de sua relação com o Pontífice e de possíveis decisões futuras.

boff_-825x510A fonte da qual nós obtivemos o material que lhes oferecemos é um artigo de Maike Hickson para o One Peter Five. Sobre quanto se refere ao tema dos padres casados no Brasil, remetemos vocês a também alguns artigos que publicamos no passado acerca da matéria. É interessante notar como as declarações de Boff vão na mesma linha e direção de quanto escrevemos. Já há dois anos

Sobre a teologia da libertação, Boff diz que “Francisco é um de nós”. Em particular pela atenção aos problemas ecológicos, dos quais Boff se ocupou. O Pontífice leu os livros desse temário de Boff? “Mais que isso. Pediu-me material para a Laudato si’. Dei-lhe o meu conselho e lhe enviei coisas que escrevi… Contudo, o Papa me disse de maneira direta: ‘Boff, não me envie as cartas diretamente’.”

Por que não? “Disse-me: ‘Se o fizer, os subsecretários as interceptarão e eu não as receberei. Em vez disso, envie as coisas ao embaixador argentino junto à Santa Sé, com quem tenho um bom contato, e elas chegarão seguras às minhas mãos.” O embaixador é um velho amigo do Pontífice. ”E depois, um dia antes da publicação da encíclica, o Papa fez chamar-me para agradecer-me pela ajuda.”

No que diz respeito a um encontro pessoal, Boff falou ao Pontífice em relação a Bento XVI, que, quando Prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé, teve um papel importante na sua condenação: “Mas o outro ainda está vivo, afinal de contas!”. “Ele [Francisco] não aceitou isso [não aceitou o receio, a hesitação de Boff].  ‘Il Papa sono io’ [‘O Papa sou eu’], respondeu (em italiano no texto [do jornal alemão], n.d.r.). E fomos convidados a ir.”Leonardo Continuar lendo

ÚLTIMAS DA CRISE NA IGREJA PELOS “FEITOS” E “EFEITOS” DE FRANCISCO

Imagem relacionada

ATENÇÃO CATÓLICOS TRADICIONALISTAS DE GOIÁS!

Resultado de imagem para Padre Juan María de Montagut

Prezados amigos de Goiás, informamos que o Padre Juan María de Montagut, FSSPX, Prior do Priorado Padre Anchieta, de São Paulo/SP encontra-se no distrito de Interlândia, no Instituto Nossa Senhora do Rosário em Anápolis/GO,  às margens da BR 153, (clique aqui e saiba como chegar) e amanhã (28/12/2016) pronunciará uma conferência e atenderá os interessados em conversar com ele a partir das 14h.

Os interessados poderão ter mais informações com o Sr. Jousemar Vicente de Lima pelo email: jousemar_v_lima19@hotmail.com 

Favor repassarem a notícia…

QUATRO CARDEAIS PRIVADOS DE CHAPÉUS?

Resultado de imagem para quatro cardeais dubiaFonte: DICI – Tradução: Dominus Est

Há na praça de Saint-Sulpice, em Paris, uma fonte onde estão representados quatro bispos: Bossuet, Fénelon, Fléchier e Massillon. Ela é chamada de cum grano salis “fonte dos quatro pontos cardinais”, pois os famosos pregadores que a ornam nunca foram cardeais. É o que faltou acontecer retroativamente – e hipoteticamente – a quatro prelados romanos…

No dia 28 de novembro de 2016, Dom Pio Vito Pinto, deão do Tribunal da Rota que julga recursos de nulidade de casamentos, reagiu violentamente à decisão dos cardeais Brandmüller, Burke, Caffarra e Meisner de tornar públicas as dúbias sobre a Amoris laetitia que eles tinham submetido ao papa Francisco há dois meses, sem receber resposta. Ele os acusou de ter causado um grave escândalo que poderia fazer-lhes perder o chapéu cardinalício. Depois ele retificou, dizendo que não tinha dito isso, repetindo: “É insensato. Não pode existir um conselho de cardeais que possa pedir contas ao papa”… Mas o essencial não está aí.

Dom Pinto evocou essa hipotética sanção: os quatro cardeais poderiam perder seu chapéu, enquanto eles não querem perder a cabeça! Uma cabeça realista que não pode pensar que o verdadeiro é falso, que o mal é bem, e que não pode afirmar sim e não ao mesmo tempo. Uma cabeça teológica que acredita que o que foi revelado pelo Filho de Deus não poderia se curvar às exigências de uma modernidade biodegradável, hoje bem degradada. Uma cabeça católica que se recusa a declarar que o que é verdadeiro e bom doutrinalmente poderia se tornar falso e mal pastoralmente, em nome de uma misericórdia particularmente elástica.

O que Dom Pinto não compreende é, portanto, bem simples: para que serve manter um chapéu, mesmo cardinalício, se a cabeça que o preenche está vazia?

Abbé Alain Lorans.

MAIS UMA CONSAGRAÇÃO CÍVICA AO IMACULADO CORAÇÃO

Outra consagração cívica à Nossa Senhora: Desta vez nas Filipinas, realizado por um padre da FSSPX, acompanhado por líderes cívicos.

Fonte: SSPX USA – Tradução: Dominus Est

A consagração da Câmara Municipal da cidade de Davao ao Imaculado Coração de Maria foi realizada pelo Pe. Alexander Hora, da FSSPX.

Estiveram presentes o vice-prefeito Paolo Duterte, vereadores e convidados. Eles foram apresentados pelo vereador Pilar Braga durante seu discurso.

Depois disso, solicitaram manter uma imagem da Virgem nos respectivos gabinetes, com sua equipe recebendo os escapulários marrons e as medalhas milagrosas.

Às 14:00h, a comitiva da Virgem seguiu para o prédio da Prefeitura Municipal onde as pessoas expressaram sua fome espiritual, ajoelhando em torno do Pe. Hora para receberem seus próprios escapulários marrons e suas medalhas milagrosas. 

Foi um bem-sucedido e edificante dia pela visita da Virgem. 

Clique aqui e assista um pequeno vídeo da procissão (Facebook) 

Deo gratias et Mariae!

As outras consagrações recentes foram as do Peru, da Polônia e da Ucrânia.

CONSAGRAÇÃO DA POLÔNIA A CRISTO REI

poland1Fonte: SSPX USA – Tradução: Dominus Est 

Durante uma cerimônia solene celebrada na igreja da Divina Misericórdia na Cracóvia, os bispos católicos poloneses reconheceram oficialmente a Cristo como Rei da Polônia. A cerimônia, que teve lugar no dia 19 de Novembro, contou com a presença do Presidente polonês, Andrzej Duda. Este ato de consagração foi repetido em todas as igrejas da Polônia no domingo, 20 de novembro, dia em que a maior parte da Igreja Católica Romana celebra a Festa de Cristo Rei, de acordo com o novo calendário litúrgico, revisado em 1970.

Este reconhecimento da realeza de Cristo neste dia é louvável, especialmente porque tanto o Ofício Divino como a Missa da Festa de Cristo o Rei eliminaram todas as referências tradicionais sobre o reinado social de Nosso Senhor. Estas infelizes mudanças, que foram feitas para aplacar a crença liberal de que a Igreja não deveria ter nenhum papel na vida política, felizmente, não deteram os bispos poloneses em seguirem os ensinamentos estabelecidos na Encíclica Quas Primas, de Pio XI.

A celebração desta festa, que se renovará cada ano, ensinará também às nações que o dever de adorar publicamente e obedecer a Jesus Cristo não só obriga aos particulares, mas também aos magistrados e governantes.

Realizada no aniversário da conversão da Polônia

A decisão de declarar a Cristo o Rei da Polônia chega durante o aniversário dos 1.050 anos do batismo da Polônia, que é tradicionalmente atribuída ao Sábado Santo de 14 de abril do ano 966, quando Mieszko I, o primeiro governante da Polônia, foi recebido na Igreja Católica. Embora muitos de seus súditos permaneceram pagãos, o zeloso trabalho missionário ocorrido durante os séculos posteriores ao batismo de Mieszko, resultou na total cristianização do país até o final do século XII. A conversão da Polônia aconteceu em um momento providencial, quando outros reinos eslavos, incluindo o Principado de Kiev em 988, começaram a levar a luz de Cristo para os povos que haviam estado imersos na escuridão da superstição e da idolatria.  

Outras nações seguem as Consagrações Públicas 

A declaração da realeza de Cristo sobre a Polônia ocorre após outros dois atos recentes de consagrações nacionais. Primeiro, em 21 de outubro de 2016, o Presidente do Peru, Pedro Pablo Kuczynski, consagrou seu país ao Sagrado Coração de Jesus e do Imaculado Coração de Maria durante a oração nacional realizada no café da manhã: 

“Eu, Pedro Pablo Kuczynski, Presidente da República do Peru, pela autoridade outorgada a mim, faço um ato de consagração de mim mesmo, de minha família e da República do Peru ao amor  e a proteção de Deus Todo-Poderoso e intercessão do Sagrado Coração de Jesus e do Coração Imaculado de Maria “.

Em seguida, dois dias depois, o Patriarca ucraniano greco-católico Sviatoslav Shevchuk, durante uma cerimônia em Fátima, consagrou a Ucrânia, ao Imaculado Coração de Maria com as seguintes palavras:

“Maria, nos apresentamos hoje diante de Ti e consagramos ao seu Imaculado Coração e colocamos sob Sua proteção a Ucrânia e outros países do leste europeu e o mundo. Te oferecemos toda a dor e sofrimento da Ucrânia, porque só através da conversão e do arrependimento virá a paz. Receba nosso sofrimento e salve nosso povo, nossa terra e o mundo do pecado e da morte“.

Católicos de todas as partes devem continuar esperando e rezando para que seus respectivos líderes eclesiásticos e seculares sigam imediatamente estes belos exemplos de consagrações nacionais a Nosso Senhor e à Sua Mãe Santíssima. Apesar do reinado da ideologia liberal em todo o mundo, há aqueles que não se esqueceram de que o homem precisa de Deus acima de todas as coisas, e que as nações do mundo Lhe devem obediência incondicional.

ESCLARECIMENTO SOBRE A “EXTENSÃO” DE FRANCISCO SOBRE A VALIDADE DA CONFISSÃO NA FSSPX

Fonte: La Porte Latine – Tradução: Dominus Est

Neste dia 21 de novembro, a Santa Sé publicou a Carta Apostólica do Papa Francisco, Misericordia et misera, de 20 de Novembro. No nº 12 deste documento, o Santo Padre estende para além do Ano da Misericórdia a faculdade de confessar concedida aos padres da Fraternidade São Pio X, em 1º de Setembro de 2015:

Ao longo do Ano Jubilar, aos fiéis que por diversas razões frequentam as igrejas atendidas pelos sacerdotes da Fraternidade de São Pio X, concedera a faculdade de receber válida e licitamente a absolvição sacramental de seus pecados. Para o bem pastoral destes fiéis e confiando na boa vontade de seus sacerdotes, afim que a plena comunhão na Igreja Católica possa ser reencontrada com a ajuda de Deus, estabeleço por decisão própria que se estenda esta faculdade para além do período jubilar, até que sejam tomadas novas disposições sobre o assunto, para que a ninguém jamais falte o sinal sacramental da reconciliação através do perdão da Igreja.”

Neste dia 21 de novembro, aniversário da declaração que Dom Marcel Lefebvre fez em 1974, não se pode recordar senão a profissão de fé do fundador da Fraternidade São Pio X: “Com a graça de Deus, o socorro da Virgem Maria, de São José e de São Pio X, estamos convictos de permanecermos fiéis à Igreja Católica e Romana e a todos os sucessores de Pedro, e de sermos os ‘fideles dispensatores mysteriorum Domini Nostri Jesu Christi in Spiritu Sancto” (cf. I Cor. 4, 1 e ss.), fiéis dispensadores dos mistérios de Nosso Senhor Jesus Cristo, no Espírito Santo.”

Em 1º de Setembro de 2015, a Casa Geral publicara a seguinte declaração, que continua relevante:

“A Fraternidade São Pio X tomou conhecimento, através da imprensa, das disposições que o Papa Francisco tomou por ocasião do próximo Ano Santo. No último parágrafo de sua carta de 1º de setembro de 2015 a Mons. Rino Fisichella, presidente do Pontifício Conselho para a Promoção da Nova Evangelização, o Santo Padre escreve: “Instituí por minha própria disposição que aqueles que, ao longo do Ano Santo da Misericórdia, se aproximarem para receber o sacramento da Reconciliação dos padres da Fraternidade São Pio X receberão a absolvição válida e lícita dos seus pecados.”

 A Fraternidade São Pio X expressa seu agradecimento ao Sumo Pontífice por este gesto paternal. No ministério do sacramento da penitência, ela sempre se apoiou, com absoluta certeza, na jurisdição extraordinária conferida pelas Normae generales do Código de Direito Canônico. Por ocasião deste Ano Santo, o Papa Francisco quer que todos os fiéis que desejam se confessar com os sacerdotes da Fraternidade São Pio X possam fazê-lo sem serem importunados.

******************************

Nota da Edição – Dominus Est: na Declaração publicada em 2015 a FSSPX reiterou de forma clara a validade e a licitude de todos seus sacramentos, visto o atual estado de necessidade na Igreja e a consequente jurisdição extraordinária, apoiada pelo próprio Código de Direito Canônico. 

O que muda com essa “concessão” de Francisco é que as confissões deixam seu caráter extraordinário de suplência (necessidade) e passam a ser Ordinárias. Porém, na prática, isso não muda nada em relação ao período anterior à tal gesto. Se não houvesse essa “extensão”, as confissões continuariam sendo válidas e lícitas, porém voltando à jurisdição anterior de suplência. 

Para saber mais sobre a FSSPX, a “jurisdição” e o “estado de necessidade”, clique aqui.

AGORA SE SABE QUEM TEM MEDO DO PRESÉPIO NA FRANÇA: A MAÇONARIA

massoneria-453x278Fonte: Corrispondenza Romana – Tradução: Dominus Est

Algum tempo atrás vimos como França hiper-jacobina continua tendo medo do presépio. Ao ponto de instigar o Conselho de Estado, “em nome do secularismo (da laicidade)”, a “autorizá-lo” nos edifícios públicos, mas sob a condição de que ele seja entendido apenas como um simples “evento cultural, artístico ou, no máximo, festivo ” e absolutamente sem qualquer “intenção religiosa” e sem que faça algum “proselitismo“: tratando-se da representação da Sagrada Família, uma frase como essa apresenta-se objetivamente sem sentido.

Alguma coisa não se encaixava: de onde vem e por que tantos temores ridículos? Deveria haver uma explicação, uma causa. As coisas passaram a ficar mais claras após o comunicado emitido no último 16 de novembro pelo GODF, o Grande Oriente da França. Comunicado em que se denuncia energicamente a “confessionalização da sociedade“, e que a tal decisão que o Conselho de Estado teria imposto, prejudica – diz o texto – “o princípio constitucional de laicidade em todos os seus elementos constitutivos: a neutralidade das instituições públicas em face ao culto, liberdade de consciência e de igualdade de direitos dos cidadãos perante a lei .” Continuar lendo

GRÁVIDA DE GÊMEOS? AGORA NORUEGA PERMITE ESCOLHER QUAL VIVE E QUAL MORRE

Fonte: ACI/Actuall

As mulheres grávidas de gêmeos que vivam em algum país da Europa onde o aborto seja ilegal ou onde as leis de aborto seletivo sejam muito restritivas, poderão viajar para a Noruega para abortar livremente.

Esta é a nova medida tomada pelo representante da junta diretiva de saúde norueguesa, Torunn Janbu, que está promovendo o “turismo abortivo” para todas as mulheres europeias.

O departamento de saúde norueguês reinterpretou as leis abortivas para beneficiar, ainda mais, a cultura de morte.

Neste caso, a medida se centra na redução fetal, isto é, se a mãe não quer ter os dois gêmeos, pode abortar um deles, embora não exista problema de saúde.

Janbu assegura ao jornal ‘Dagsavisen’ que “todas as mulheres, sem importar se são norueguesas ou residentes na Noruega, têm o mesmo direito ao aborto e, por isso, a redução fetal”.

Redução fetal é o eufemismo para descrever o assassinato do nascituro a mais. Continuar lendo

“TRANSGÊNERO” É UMA DOENÇA MENTAL E DEVE SER TRATADA COMO TAL, AFIRMA PROFESSOR DE PSIQUIATRIA DO HOSPITAL JOHN HOPKINS

Defensores pró-transgenerismo, disse McHugh, não querem saber sobre estudos que mostram entre 70% e 80% de crianças que expressam sentimentos transgêneros e “espontaneamente perdem esses sentimentos” ao longo do tempo

Tnsg

The New Observer | Tradução Sensus fidei: O “transgênero”, mania atualmente sendo promovida pelos meios de comunicação controlados como “a próxima fronteira dos direitos civis” é, na verdade, uma doença mental e a sua promoção é incitar transtornos mentais, afirmou o Professor e ex-Diretor do Departamento de Psiquiatria do Hospital Johns Hopkins.

Transgenerismo é uma doença, não um direito, afirma Dr. McHugh

Transgenerismo é uma doença, não um direito, afirma Dr. McHugh

Uma doença mental, não um ‘estilo de vida’

Dr. Paul R. McHugh, MD, atualmente eminente Professor do Serviço de Psiquiatria do mundialmente famoso hospital, também disse que as mudanças de sexo são “biologicamente impossíveis” e que os médicos que “promovem a cirurgia de redesignação sexual estão colaborando para a promoção de um transtorno mental.”

Além disso, ele afirmou que “transgenerismo é um transtorno mental que necessita de tratamento”, assim como a sociedade trataria quaisquer outros transtornos mentais, e não deve ser apresentado pela mídia ou pela classe médica da maneira como tem sido feita.

Dr. McHugh, autor de seis livros e de pelo menos 125 artigos médicos revisados, fez suas declarações em um artigo no Wall Street Journal intitulado “Cirurgia Transgênera não é a solução”, no qual ele explica que a cirurgia transgênera não é a solução para pessoas que sofrem de uma “desordem de ‘suposição’” — a noção de que a sua masculinidade ou feminilidade seja diferente do que a natureza lhes atribuiu biologicamente. Continuar lendo

ATENÇÃO: A NOVA CRUZADA DE ROSÁRIOS COMEÇARÁ NESSA SEGUNDA, DIA 15

Prezados amigos, leitores e benfeitores, louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

Na próxima segunda-feira, dia 15/08 começaremos a nova Cruzada de Rosários da FSSPX, por ocasião do centenário das aparições de Nossa Senhora em Fátima (Maio à Outubro/1917).

Esta cruzada será realizada de 15 de agosto de 2016 a 22 de Agosto 2017 .

Ela corresponde às intenções indicadas pela própria Virgem Santíssima: 

(I) Jesus quer estabelecer no mundo a devoção ao Coração Imaculado de Maria. Para que seja feita, todos os fiéis são convidados a:

  • Recitar diariamente o rosário, sozinho ou em família; 
  • Realizar a devoção da Comunhão reparadora nos cinco primeiros sábados do mês, e multiplicar os sacrifícios diários, em espírito de reparação pelos ultrajes cometidos contra Maria; 
  • Levar consigo a medalha milagrosa e difundi-la;
  • Consagrar seus lares ao Imaculado coração de Maria .

Além da propagação desta devoção, rezemos também:

(II) para apressar o triunfo do Coração Imaculado; 

(III) Para que seja realizado pelo Papa e todos os bispos do mundo católico a consagração da Rússia ao Coração Imaculado e Doloroso de Maria.

E nós adicionamos (IV) como uma intenção especial, a proteção da Santíssima Virgem à Fraternidade São Pio X e todos os seus membros, bem como as comunidades religiosas da Tradição .

Dom Bernard Fellay fixou como objetivo um buquê de 12 milhões de rosários e 50 milhões de sacrifícios ofertados a Nossa Senhora de Fátima.

RESPOSTA DO ESTADO ISLÂMICO AO PAPA…

….após o ridículo “inocente” comentário feito no vôo de volta da Polônia.

ESTADO ISLÂMICO: NOSSA GUERRA É DE RELIGIÃO E ODIAMOS OS CRISTÃOS

RevistaDabiqISIS_030816

Revista Dabiq do Estado Islâmico – cristãos decapitados pelo ISIS em fevereiro de 2015

Fonte: ACI

“O mandamento é claro, matar os infiéis como Alá disse”, foi a resposta do Estado Islâmico (ISIS) ao Papa Francisco no último número da sua revista Dabiq intitulada “Destruir a Cruz”, na qual afirma que odeia o ocidente cristão e acusa o Pontífice de querer “pacificar a nação muçulmana”.

A última edição da revista Dabiq foi publicada depois que o Papa Francisco afirmou, durante o voo de volta da Polônia, “que não é justo identificar o islã com a violência. Não é justo nem é verdade”. No mesmo dia, grupos de muçulmanos foram às igrejas da França e da Itália para condenar o assassinato do Pe. Jacques Hamel, cometido por dois terroristas do ISIS.

“Francisco continua ocultando atrás de um véu enganoso de ‘boa vontade’, ocultando suas intenções atuais de pacificar a nação muçulmana”, assinalou a revista do grupo fundamentalista, que também criticou o governo da França por dizer que “o autêntico islã e uma leitura apropriada do Alcorão são opostas a toda forma de violência”. Continuar lendo

“O PAPA ESTÁ ERRADO. ESTAMOS SOFRENDO ÓDIO POR PARTE DE UMA RELIGIÃO”

Patriarca de Antioquia reage à declaração de Francisco: Terrorismo e cristão assassinados por ódio à sua fé, primeiro no Oriente Médio e, agora, na Europa. Ignace Youssif III Younan fala à “Radio Uno” (uma rádio italiana) e pede para “evitar a linguagem politicamente correta. Devemos dizer que foi um islamismo radical e terrorista”.

patriarca

O Patriarca à esquerda

Por Il Foglio | Tradução: FratresInUnum.com: “Devemos evitar a linguagem policamente correta. Devemos dizer que foi um islamismo radical e terrorista. Este é o fato. Aqueles que causaram a tragédia em Dakar, 9 italianos, não eram nem pobres nem ignorantes. Eram de família muito bem posicionadas e educados. Não se pode falar de gente sofrida, socialmente marginalizada”. Quem disse isso, convidado pelo programa “Preto no Branco” da “Radio Uno”, foi Sua Beatitude Ignace Youssif III Younan, Patriarca de Antioquia dos sírios.

“Enquanto estamos vivendo esta tragédia, vocês (no ocidente, nota da redação) estão fazendo elucubrações teóricas, e a sangue frio, e nós devemos sofrer a cada dia, a cada momento, os perigos do terrorismo islâmico. Um bispo morto, dez padres mortos”, tudo nos últimos tempos, acrescentou.

Acerca da pergunta sobre as considerações do Papa sobre a guerra que não tem nada a ver com a religião, o Patriarca respondeu: “Com todo o respeito pelo Santo Padre, não está certo o que ele disse. Sempre houve gente mais rica que os outros. Aqui estamos sofrendo ódio por parte de uma religião”. Continuar lendo

FSSPX RESPONDE A MAIS UMA MISSA NEGRA NOS ESTADOS UNIDOS

Fonte: SSPX USA – Tradução: Dominus Est

A FSSPX emite um comunicado de imprensa antecedendo outro evento satânico em Oklahoma City, chamando os fiéis católicos para participar de uma Missa pública de reparação

Nos últimos anos tem havido uma escandalosa série de eventos satanistas nos Estados Unidos. A FSSPX tem respondido a essas abominações, mas não para glorificar ou promover esses eventos diabolicamente inspirados, mas para fazer uma reparação, na medida em que somos chamados a fazer isso enquanto católicos.

Nosso objetivo é fazer com que, ao menos, essa reparação seja tão pública quanto o ato escandaloso — se possível, que seja ainda mais. Fazemos isso para não chamar a atenção para nós mesmos, mas sim para proclamar publicamente, através de todos os meios de católicos de ação à nossa disposição, a Realeza de Nosso Senhor Jesus Cristo. Nesta iniciativa os padres e religiosos da FSSPX exortam os fiéis a se juntarem a nós, pois, como disse o Papa Pio XI: nós procuramos “a participação dos leigos no apostolado da hierarquia.”

Abaixo está o comunicado de imprensa emitido pela Paróquia  St. Michael’s, da FSSPX, em Bethany, Oklahoma, que está organizando este ato público de reparação – com a aprovação e encorajamento da Sede Distrital da FSSPX nos Estados Unidos, em Platte City, MO.

Assista ao vídeo de um evento semelhante em 2014, onde a FSSPX fez um Ato de Desagravo:

COMUNICADO DE IMPRENSA:

Missa Pública de Reparação: 15 de agosto, Bicentennial Park, Oklahoma City, OK,12:00h, em reparação às blasfêmias cometidas naquele dia, no Centro Cívico

Bethany, OK, 25 de julho de 2016 – A Capela de St. Michael, em Bethany, OK e a Fratenidade São Pio X anunciam uma Missa Pública de Reparação, às 12 horas, no dia 15 de agosto de 2016. Continuar lendo

NEM MESMO UM SACERDOTE DEGOLADO NA IGREJA POR TERRORISTAS ISLÂMICOS DESPERTA POLÍTICOS E BISPOS DO SONO

Por Riccardo Cascioli, La Nuova Bussola Quotidiana – Tradução: FratresInUnum.com

Como todas as manhãs, uma vez que por razões de idade já não era mais o pároco, padre Jacques Hamel celebrava a missa matutina dos dias de semana, às 9 horas, na “sua” igreja de Saint-Etienne-du-Rouvray, uma paróquia de 20 mil almas da Diocese de Rouen, no coração da Normandia. Com ele, como todas as manhãs, estavam três freiras e dois outros fiéis. Mas ontem alguma coisa não sucedeu exatamente como nas outras manhãs: dois jovens islâmicos armados de facas invadiram a igreja durante a missa e renderam os presentes. Depois obrigaram o sacerdote de 86 anos de idade, Pe. Jacques, a ficar de joelhos.

E enquanto preparavam para cortar sua garganta na frente do altar onde ele estava renovando o sacrifício de Cristo na Cruz, um deles tomou o lugar do padre e se lançou em um sermão em árabe, como testemunhou irmã Danielle, uma das religiosas presentes que conseguiu fugir pouco antes que os criminosos enfiassem a faca na garganta do padre Jacques. “Foi horrível”, disse a irmã Danielle, e juntamente com o sacerdote também um outro fiel foi golpeado e está em estado crítico. A religiosa também disse que os dois terroristas, evidentemente orgulhosos de sua ação, gravaram toda a cena, imagens que definitivamente estão agora nas mãos da polícia que matou os dois, tão logo que eles colocaram suas cabeças para fora da igreja.

Como sempre, quase que por um reflexo, todos os meios de comunicação imediatamente disseram que se tratava de duas pessoas com transtornos mentais, mesmo antes de saberem a identidade, e o engraçado é que eles continuaram a descrevê-los assim, mesmo depois de ter sido conhecido que os dois eram “soldados” do Estado islâmico. Em particular um dos dois, de 19 anos, era um combatente estrangeiro fracassado, porque tinha tentado no ano passado entrar duas vezes na Síria para lutar, mas foi impedido por agentes turcos e enviado de volta para a França. Aqui ele cumpriu um ano ou mais na prisão antes de um juiz conceder-lhe a prisão domiciliar, apesar da opinião contrária do procurador anti-terrorismo de Paris. E eis aí os resultados. Realmente uma boa demonstração de seriedade por parte das instituições francesas – depois da série de ataques que estão golpeando a França por mais de um ano -, dão provas de uma “leviandade” no mínimo desconcertante. Especialmente porque viemos a saber que Saint-Etienne-du-Rouvray é um foco conhecido de extremistas islâmicos, reunidos em torno da mesquita local. Continuar lendo

ANÁLISES RECENTES SOBRE O ÚLTIMO ATAQUE NA FRANÇA

MAIS UM ATAQUE NA FRANÇA, AGORA EM UMA IGREJA!

“…não se conhecem os motivos do ataque”

“…aguardamos novas informações para tentarmos entender o que aconteceu”

Meu Deus…até quando irão se fingir de cegos? Até quando esse bom-mocismo do mais alto grau da Igreja prevalecerá? Até quando se calarão e se fingirão de bobos em nome do novo ecumenismo e da misericórdia pós conciliar? Até quando levarão o assombroso exemplo da foto adiante?

Abriram suas igrejas para muçulmanos celebrarem o Ramadan, convidaram imans pra rezar nos jardins do Vaticano, beijaram o Alcorão, Papas retiraram os sapatos pra visitarem mesquitas, colocaram Maomé ao mesmo nível de Nosso Senhor nesses sacrílegos encontros ecumênicos….. A resposta a toda essa benevolência está aí! Onde chegarão? Esse pode ser o destino (leia aqui)

O que D. Lefevre já avisava lá na década de 80?

*********************************************

AFP5560115_LancioGrande(News.Va) – Mais um episódio de violência imprevista e desconcertante esta manhã, na França: dois homens armados com facas entraram na igreja de Saint-Etienne de Rouvray, perto de Rouen, e tomaram como reféns o pároco, duas religiosas e dois fiéis durante a missa, por volta das 10h. Continuar lendo