SOA O DOBRE POR NOTRE DAME

Resultado de imagem para incêndio notre dameDom Lourenço Fleichman, OSB

Acompanhei um pouco a situação em Paris pelos jornais franceses, e me parece importante escrever para os meus fiéis e leitores do site, para lhes falar um pouco sobre esse acontecimento estranho do incêndio de Notre Dame de Paris.

Muitas catedrais, igrejas, mosteiros queimaram em incêndios antes desse. Muitos terremotos derrubaram suas flechas monumentais, como vimos hoje cair a de Paris. 

Mas não posso deixar de considerar que essa destruição tem um caráter diferente. Antes do fogo destruir esta Citadela da Fé católica, há muito tempo já desaparecera o fogo que a levantara há cerca de 1.000 anos atrás.

Quando leio nos jornais os políticos falando de cultura, de Europa, de arte, não posso deixar de pensar na culpa que esses senhores têm por tudo o que foi jogado fora de civilização católica, dos mil anos da Cristandade, da Idade Média. Não posso impedir que brote no coração o ódio por essa Revolução que há 250 anos destrói o que nossos heróis construíram, para pasmo do mundo moderno, pelo simples amor a Nosso Senhor Jesus Cristo, a sua Mãe Maria, e a sua Esposa, a Santa Igreja  Católica Apostólica Romana.

Não posso deixar de odiar com todas as forças da alma esse Modernismo de Vaticano II, que ainda hoje derruba as simbólicas cruzes da fé nos corações.

Na verdade o mundo moderno e a Igreja modernista não merecem esses monumentos da fé antiga, pois que a repudiaram com desprezo e violência.

Era normal que, na Apostasia Geral em que vivemos, os marcos da fé de outrora fossem desaparecendo, como destruídos foram os Sacramentos, as Orações, o Sacerdócio, as igrejas e tudo o mais que ocupava pela vida interior esses mesmos monumentos.

Mas a vida continua.

Já estão arrecadando o dinheiro da reconstrução. Muito dinheiro. Já anunciaram que reunirão os melhores artífices do mundo para refazer o que foi destruído pelas chamas. De que serve? Levantarão uma Catedral do Pluralismo revolucionário. Cantarão loas à Fraternidade universal. Incensarão a deusa Liberdade no altar da nova Notre Dame. E todos, unidos pela Igualdade sem Jesus crucificado, soltarão fogos no dia da inauguração. 

No limiar da nossa Semana Santa, quando nos preparamos para o luto litúrgico pela Paixão e Morte de Cristo, soa o dobre por Notre Dame.

E mais uma vez choramos a destruição da fé.

Domingo que vem nos alegraremos com Cristo Ressuscitado, e poderemos tratar da nossa salvação eterna, nos nossos esconderijos, nas nossas catacumbas da Tradição.

A TRADIÇÃO VAI À APARECIDA – 18/05/19 – VAGAS PARA O SEGUNDO VEÍCULO DE RIBEIRÃO

apaPrezados amigos, leitores e benfeitores, louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

Está marcada a tradicional Peregrinação da FSSPX à Aparecida para 2019: 18/05 (os horários ainda serão definidos).

O encontro será em Pindamonhangaba e de lá partiremos a pé para visitar nossa Mãe Santíssima.

Serão cerca de 22 quilômetros de percurso de uma cidade à outra, completados em 6 horas de caminhada, mais ou menos.

No trajeto iremos cantando músicas tradicionais, rezando rosários e os padres ficarão à disposição para ouvir confissões.

Teremos a Missa de encerramento e faremos a visita à nossa Mãe Santíssima na Basílica. 

As fotos da Peregrinação do ano passado podem ser vistas aqui: IMAGENS DA PEREGRINAÇÃO DA FSSPX À APARECIDA 2018

Estamos tentando montar um segundo veículo e faltam algumas poucas vagas fechá-lo. Aos que quiserem participar conosco e/ou ter mais informações, partindo de Ribeirão Preto, favor entrar em contato pelo gespiox@yahoo.com.br

*********************

OBS 1: Às pessoas idosas, com problemas físicos, crianças, etc… algumas Vans seguem a Peregrinação, para que possam fazer algum tipo de descanso, se necessário.

OBS 2: Para informações de como serão as saídas dos outros Centros de Missa, Comunidades amigas e Priorados, favor entrarem em contato diretamente com os mesmos (ver aqui).

É A SUA VEZ DE NOS AJUDAR

CAPELAPrezados amigos, prezados leitores e benfeitores, louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

Vocês que acessam e gostam de nosso blogvocês que acompanham as ações da FSSPX pelo mundovocês que lutam pelo Reinado Social de Nosso Senhor, vocês que sabem que a Tradição é a única solução para a restauração a Igreja… AJUDE-NOS! 

Estamos, mais uma vez, pedindo vossa ajuda nessa campanha em prol da compra de um terreno e futura construção de mais uma Capela para a Tradição e para a Santa Igreja. Sabemos que o caminho é longo e árduo, por isso, toda ajuda é importante.

CLIQUE AQUI PARA ALGUMAS PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE O PROJETO

OU

CLIQUE AQUI E LEIA O TEXTO COMPLETO DA CAMPANHA!

Faça um gesto nobre de caridade, por amor à Santa Igreja!!

Ad Majorem Dei Gloriam

Aproveitamos para agradecer a todos que nos ajudam ou ajudaram em algum momento nessa campanha, mesmo de forma anônima. Contem com nossas orações.

Que Nossa Senhora os conduza ao caminho da santidade.

ORAÇÕES POR D. TISSIER

Fonte: SSPX USA – Tradução: Dominus Est

A ordenação das “ordens menores”, marcada para hoje, 5 de abril, infelizmente teve que ser adiada. As cerimônias serão remarcadas o mais rápido possível e atualizaremos a todos.

Infelizmente, Sua Excelência D. Tissier, foi impossibilitado de ordenar seminaristas para as ordens menores devido a problemas de saúde. Ao mesmo tempo em que permanece hospitalizado devido a uma infecção, ele está de bom humor e agradece qualquer oração por uma rápida e completa recuperação. Uma cirurgia de rotina será realizada na segunda-feira, 8 de abril, para garantir sua saúde plena.

A ocasião para a cirurgia é uma infecção causada por uma picada de inseto que ele recebeu enquanto viajava pela Europa. Por alguma razão, os antibióticos orais que lhe foram prescritos na Europa não fizeram efeito e a infecção evoluiu para uma celulite infecciosa. Quando, ao retornar aos Estados Unidos, no último sábado, 30 de março, ficou claro que os antibióticos orais não estavam se mostrando eficazes, ele foi internado em um hospital para receber antibióticos intravenosos. No entanto, a partir de imagens médicas recentes, parece que alguns dos tecidos infectados “se isolaram” (não é uma ocorrência totalmente incomum em infecções) e não conseguem ser alcançados por esses antibióticos intravenosos. Assim, seus médicos acharam que o caminho mais seguro era fazer a cirurgia simples para retirar o tecido infectado.

Assim que tivermos uma atualização, informaremos o resultado. Por favor, rezem por Sua Excelência, pelos seminaristas e suas famílias!

O REMÉDIO É A MORTE

Fonte: Boletim Permanencia

Da eutanásia ao homicídio é só um passo.

E a esquerda holandesa não se envergonha de dá-lo. O Esquerda Verde (GroenLinks) quer limitar os procedimentos cirúrgicos em pacientes com mais de 70 anos e permitir que os geriatras do hospital decidam se vale a pena operar ou mesmo manter vivo um paciente idoso. Como se ele fosse um fogão ou uma geladeira, um simples cálculo de custo x beneficio decidirá se o seu destino será a sala de cirurgia ou o cemitério.

O mais perverso é que esse partido se originou da fusão, em 1991, do Partido Comunista, do Partido Socialista Pacifista, dos Radicais e do (pasmem!) Partido Popular Evangélico. Parece piada, mas é só uma tragédia.

A proposta foi apresentada ao parlamento holandês por Corinne Ellemeet e já ganhou o apoio da presidente da Associação Geriatria Clínica da Holanda, Hanna Willem , para quem a interrupção do tratamento vai “acrescentar qualidade de vida para o paciente.” Inacreditável!

“Um processo de seleção deve ser feito quando for o caso de um tratamento avançado e caro “, o que incluiria operações cardíacas, tratamentos de câncer, diálise renal entre outros procedimentos. A prioridade, nesses casos, segundo Corinne, deve ser dada aos mais jovens.

Em outras palavras, a disposição do paciente para continuar lutando pela vida não terá nenhum valor, prevalecerá a opinião do geriatra e suas previsões sobre “as expectativas em relação à qualidade de vida da pessoa”.

 

SAN GIOVANNI ROTONDO CEDE, DE FORMA PERPÉTUA, A MITENE DE PADRE PIO À FSSPX

Na última quinta-feira, os Padres Trejo, Gomis e Rubio, da Fraternidade Sacerdotal Pio X, foram buscar a mitene do Padre Pio, em San Giovanni Rotondo.

A alegre notícia para a Fraternidade é que os frades cederam-na de maneira perpétua à FSSPX.

Os Padres rezaram a Santa Missa no pequeno quarto onde a rezava Padre Pio quando lhes restringiram o contato com o público.

O site Adoracion y Liberación teve acesso a algumas fotos deste acontecimento, que compartilhamos nesta reportagem, incluindo a foto em que, junto à mitene, se mostra o certificado emitido pela Congregação de frades do Santo de Pietrelcina cedendo-na aos filhos de D. Marcel Lefebvre.

Hoje, dia 25, às 19h, na Capela da FSSPX em Madrid, será rezada uma Missa e, logo após, aproveitando que o Pe. Rubio (Prior do Priorado de Buenos Aires) levará consigo a relíquia, será dada a bênção a cada um dos presentes com a mitene do padre Pio e às 20h, haverá uma palestra sobre sua vida.

Da mesma forma, a dita relíquia poderá ser venerada.

A relação do Santo de Pietrelcina com D. Marcel Lefebvre e seus sacerdotes é antiga, como atesta uma imagem histórica, em que mostra o encontro entre o Pe. Pio e D. Lefebvre, fundador da FSSPX.

Parece que os bons frades capuchinhos sabem o que estão fazendo e em quem podem confiar.

É necessário que a justiça seja feita com aqueles que sempre defenderam a Santa Fé Católica e a Santa Igreja, contra os modernistas.

A TRADIÇÃO VAI À APARECIDA – 18/05/19 – PROGRAMEM-SE!

apaPrezados amigos, leitores e benfeitores, louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

Está marcada a tradicional Peregrinação da FSSPX à Aparecida para 2019: 18/05 (os horários ainda serão definidos).

O encontro será em Pindamonhangaba e de lá partiremos a pé para visitar nossa Mãe Santíssima.

Serão cerca de 22 quilômetros de percurso de uma cidade à outra, completados em 6 horas de caminhada, mais ou menos.

No trajeto iremos cantando músicas tradicionais, rezando rosários e os padres ficarão à disposição para ouvir confissões.

Teremos a Missa de encerramento e faremos a visita à nossa Mãe Santíssima na Basílica. 

As fotos da Peregrinação do ano passado podem ser vistas aqui: IMAGENS DA PEREGRINAÇÃO DA FSSPX À APARECIDA 2018

Aos que quiserem participar conosco e/ou ter mais informações, partindo de Ribeirão Preto, favor entrar em contato pelo gespiox@yahoo.com.br

*********************

OBS 1: Às pessoas idosas, com problemas físicos, crianças, etc… algumas Vans seguem a Peregrinação, para que possam fazer algum tipo de descanso, se necessário.

OBS 2: Para informações de como serão as saídas dos outros Centros de Missa, Comunidades amigas e Priorados, favor entrarem em contato diretamente com os mesmos (ver aqui).

LEMBRETE: MUDANÇA NAS DATAS DA MISSÃO DA FSSPX EM RIBEIRÃO

Imagem relacionada

Conforme publicado em fevereiro, lembramos que as Missas em Ribeirão não são mais rezadas no segundo domingo do mês.

Dessa forma, não teremos a visita dos padres nesse próximo final de semana.

Mais informações nesse post: MUDANÇAS NA MISSÃO DA FSSPX EM RIBEIRÃO

SUA CONTRIBUIÇÃO É ESSENCIAL

CAPELAPrezados amigos, prezados leitores e benfeitores, louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

Vocês que acessam e gostam de nosso blog, vocês que acompanham as ações da FSSPX pelo mundovocês que lutam pelo Reinado Social de Nosso Senhor, vocês que sabem que a Tradição é a única solução para a restauração a Igreja… AJUDE-NOS! 

Estamos, mais uma vez, pedindo vossa ajuda nessa campanha em prol da compra de um terreno e futura construção de mais uma Capela para a Tradição e para a Santa Igreja. Sabemos que o caminho é longo e árduo, por isso, toda ajuda é importante.

CLIQUE AQUI PARA ALGUMAS PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE O PROJETO

OU

CLIQUE AQUI E LEIA O TEXTO COMPLETO DA CAMPANHA!

Faça um gesto nobre de caridade, por amor à Santa Igreja!!

Ad Majorem Dei Gloriam

Aproveitamos para agradecer a todos que nos ajudam ou ajudaram em algum momento nessa campanha, mesmo de forma anônima. Contem com nossas orações.

Que Nossa Senhora os conduza ao caminho da santidade.

UM LABORATÓRIO DE ABOMINAÇÕES

A tentação de Santo Antão, Hieronymus Bosch

Fonte: Boletim Permanencia

A inversão dos critérios e da compreensão da realidade já se tornou de tal modo grave no Canadá – uma espécie de laboratório dos modernismos de todos os tipos – que o Estado já considera famílias católicas incapazes de adotar crianças e educá-las adequadamente, por conta de suas crenças “preconceituosas”.

Foi o que aconteceu com um casal católico que decidiu adotar uma criança. Depois de um longo processo, eles foram entrevistados por uma assistente social que, em dado momento, lhes perguntou sobre “sua crença religiosa” e se de fato acreditavam em certas partes desatualizadas da Bíblia”. Eles responderam simplesmente que acreditavam na Bíblia. Mais adiante, num tom casual, a assistente comentou que seu filho era homossexual e que, na infância, sofrera muito nas mãos dos que consideravam o homossexualismo um pecado.

Foi a senha para o que viria a seguir. Poucas semanas depois, o casal recebeu uma notificação do Estado comunicando que o seu pedido de adoção fora rejeitado, apesar de todas as suas qualidades.

Não chega a ser uma surpresa que o caso tenha ocorrido no Canadá, mundialmente conhecido por sua cultura impregnada de paganismo: liberação irrestrita do aborto até a última semana de gravidez, validade das uniões homossexuais, legalização da maconha “para fins recreativos”, suicídio assistido, eutanásia (chamada de “morte clinicamente assistida”). Em setembro último, foi noticiado que “especialistas em ética” já estão debatendo a possibilidade da aplicação da eutanásia em crianças, sem consentimento dos pais. Os “direitos dos trans” também contam com ampla aceitação e promoção no país; após a proibição por Donald Trump do ingresso de transgêneros nas Forças Armadas dos EUA, os militares canadenses convidaram cidadãos de “todas as orientações sexuais” ao alistamento.

O Partido Liberal do primeiro-ministro, Justin Trudeau é o principal motor dessa “revolução dos costumes” no Canadá. Foi sob a liderança de Jean Lesage, que governou a província de Quebec de 1960 a 1966, que a “Revolução Tranquila” ou “Revolução Silenciosa” introduziu a secularização dos costumes nessa importante região canadense. A gradual substituição da influência da Igreja pela do Estado nos sistemas de educação, de saúde e em inúmeras obras sociais levou ao completo desmantelamento das tradições religiosas dos quebequenses, que trocaram a arraigada crença sobrenatural na Religião Católica por uma mera identificação cultural com o “elemento francês”, de base meramente nacionalista.

E assim cumpre-se no Canadá, e de modo cada vez mais acelerado, o que disse Nossa Senhora em La Salette: “Os governantes civis terão todos um mesmo objetivo, que consistirá em abolir e fazer desaparecer todo princípio religioso para dar lugar ao materialismo, ao ateísmo, ao espiritismo e a toda espécie de vícios”.

NÃO É A GILLETTE QUE FAZ O HOMEM

Fonte: Boletim Permanencia

Durante séculos, a navalha foi um símbolo da masculinidade. Até que a lâmina de barbear apareceu e tomou o seu lugar na vida prática dos homens.

Mas quando o fabricante mais famoso dessas lâminas se considera apto a dizer ao seu público como agir para que se tornem “homens melhores” (the best men can be), já não se trata de fazer a barba, mas a cabeça de metade da população. Enfim, já não é marketing, é “engenharia social”.

Mas a julgar pelos resultados, a Gillette abusou da pretensão – talvez por desprezar a água benta. No mês passado, a empresa lançou pelo youtube uma campanha polêmica em que retrata homens e meninos como estereótipos do pior comportamento humano.

O vídeo tem menos de 2 minutos, e começa com a cena de quatro homens bem barbeados, de raças e idades diferentes, olhando-se no espelho com cara de culpa. As palavras “bullying”, “assédio sexual” e “masculinidade tóxica” são ouvidas no fundo.

A sequência seguinte mostra um adolescente sendo perseguido; um menino recebendo mensagens de ‘bullying’ no celular; pedaços de reportagem sobre o #Metoo; cenas de assédio de um patrão; um chefe humilhando a subalterna; homens mexendo com mulheres na rua; garotos brigando sob o olhar de adultos, que apenas comentam: “Boys will be boys” (“Garotos são assim mesmo”).

No próximo bloco, a virada: o tom muda e o que vemos são homens refletindo sobre as consequências de seus atos. E então, o gran finale: as cenas do começo se repetem, mas agora há homens que reagem defendendo as vítimas de abuso, apartando a briga, etc. – sob o olhar admirado de meninos de raças diferentes.

A chamada “masculinidade tóxica” (do inglês toxic masculinity) é a carapuça que a Gillette quer vestir no homem “de sempre”, a quem ela considera machista, homofóbico, misógino, herdeiro do patriarcado, entre outros adjetivos pejorativos que invertem a sua autopercepção.

No seu site oficial a marca torna claro seu desejo: ” … como uma companhia que encoraja os homens a buscarem o seu melhor, nós temos a responsabilidade de garantir que promovamos versões positivas, alcançáveis, inclusivas e saudáveis daquilo que se considera ser homem”. E continua: “Nosso slogan precisa continuar a inspirar todos nós a sermos melhores todos os dias, e ajudar a criar um novo padrão para os meninos admirarem e para os homens atingirem… porque os meninos de hoje são os homens de amanhã”.

Mas, ao contrário do esperado, a desaprovação superou os aplausos. Com 30 milhões de views, há 1,4 milhão de dislikes contra 767 mil likes. Afinal, homens ainda são homens.

SÓ NÃO TINHA CATÓLICO

Fonte: Boletim Permanencia

No último dia 15, o Cardeal do Rio de Janeiro organizou e presidiu um ato inter-religioso na Candelária chamado “unidos na esperança”. Dom Orani explicou o evento: “É o momento de nós, enquanto religiões que estão nessa grande cidade, dizer que estamos juntos, somos solidários, temos esperança, temos confiança”.

Ato inter-religioso na Candelária

Poderíamos perguntar em que espera o Cardeal? Para nós, que esperamos em Deus, é absurda a idéia de uma ‘união na esperança’ com adeptos de falsas religiões. Porque, como ensina Santo Tomás, “A fé precede a esperança” (IIa IIae, q. 17). Em outras palavras: não há virtude da esperança sem a fé.

Poderíamos lamentar que na Arquidiocese do Rio de Janeiro pareça não valer o ensinamento de Pio XI em Mortalium animos. Na Encíclica, após mencionar a realização de “assembléias e pregações” nas quais são convidados a participar membros de diversas religiões, o Papa declara:

“Sem dúvida, estes esforços não podem, de nenhum modo, ser aprovados pelos católicos, pois eles se fundamentam na falsa opinião dos que julgam que quaisquer religiões são, mais ou menos, boas e louváveis (…)”

Quem nos dera se nosso episcopado ainda se levantasse em defesa da Santa Igreja, combatendo os erros modernos e, sobretudo, as falsas religiões que infelizmente se multiplicam no nosso país. Em outros tempos, era assim que falavam os bispos do Brasil:

“Mas o que pedis à Igreja Católica é a tolerância ou é o suicídio? Ela não pode sem contradizer toda a sua história, sem renegar a sua própria essência, sem anular-se, sem aniquilar-se completamente, sem trair a Jesus Cristo, admitir o princípio que todas as religiões são igualmente verdadeiras, ou que todas são falsas, ou que sendo uma só verdadeira, seja indiferente abraçar esta ou as outras; como se a verdade e o erro tivessem os mesmos direitos perante a consciência!” (Pastoral coletiva de 1890)

**********************

O que percebemos com tristeza é que tinha de tudo nesse evento presidido pelo Cardeal e arcebispo do Rio de Janeiro: maçom, muçulmano, budista etc. Só não tinha católico.

MUDANÇAS NA MISSÃO DA FSSPX EM RIBEIRÃO

Imagem relacionada

Prezados amigos, leitores e benfeitores, louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

Informamos que, a partir de março, devido a adequações administrativas na Casa Autônoma da FSSPX no Brasil, teremos algumas mudanças em nossa Missão.

  • Primeiramente o responsável pela missão será o Revmo. Pe. Carlos Herrera, que substitui o Pe. Rodolfo (que será responsável por outras missões), na qual agradecemos profundamente, de coração, por cuidar tão bem de nossas almas durante esses 5 anos. 
  • Em segundo lugar as Missas deixam de ter como data base o segundo domingo do mês e passam a ser no último domingo de cada mês (tendo também a sexta e o sábado que o precedem).

Assim, o cronograma das Missas será:

DATAS

Os novos horários estão em nosso blog na página: Agenda Missas

Com essa mudança, além do aumento do número de Missas, os padres terão mais tempo para o apostolado: catecismo, orientações, palestras, confissões, visitas a doentes, etc

Peço que rezem sempre, e muito, pelo apostolado da FSSPX.

Deo Gratias

O MINISTÉRIO PÚBLICO CONTRA A FÉ

Oratório público do Morro da Providência (vê-se ao fundo, no centro da imagem, o morro do Corcovado, ainda sem o Cristo). O oratório continua de pé. (foto de Augusto Malta)

Fonte: Boletim Permanencia

A idéia de religião como “foro íntimo” é algo novo, produto do individualismo moderno. É a porta de entrada do liberalismo religioso. Desse patamar liberal à anti-religiosidade a distância é tênue, ou melhor, não há diferença.

Na segunda feira, dia 4, o jornal O Globo noticiou que o Ministério Público entrou com uma ação para obrigar a prefeitura do Rio de Janeiro a remover todos os oratórios construídos em praças públicas da cidade a partir de 1988.

O pomo da discórdia é o oratório construído em 2017, que fica na Praça Milton Campos, no Leblon, erigido em comemoração aos 300 anos do encontro da imagem milagrosa de Nossa Senhora Aparecida, no Rio Paraíba.

A alegação do MP é a de proteção da laicidade do Estado. Em defesa, a diretoria jurídica da Arquidiocese classificou a medida como um “grave caso de intolerância religiosa”.

Mas o que está por trás dessa ação do MP?

O que está no fundo dessa questão, sob o argumento de “laicidade”, é a idéia de que a religião é tema de “foro íntimo”, tão somente privado, e que todo ambiente público deve ser “laico”. Continuar lendo

AJUDEM NA CAMPANHA DE NOSSA CAPELA

CAPELAPrezados amigos, prezados leitores e benfeitores, louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

Vocês que acessam e gostam de nosso blog, vocês que acompanham as ações da FSSPX pelo mundovocês que lutam pelo Reinado Social de Nosso Senhor, vocês que sabem que a Tradição é a única solução para a restauração a Igreja… AJUDE-NOS! 

Estamos, mais uma vez, pedindo vossa ajuda nessa campanha em prol da compra de um terreno e futura construção de mais uma Capela para a Tradição e para a Santa Igreja. Sabemos que o caminho é longo e árduo, por isso, toda ajuda é importante.

CLIQUE AQUI PARA ALGUMAS PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE O PROJETO

OU

CLIQUE AQUI E LEIA O TEXTO COMPLETO DA CAMPANHA!

Faça um gesto nobre de caridade, por amor à Santa Igreja!!

Ad Majorem Dei Gloriam

Aproveitamos para agradecer a todos que nos ajudam ou ajudaram em algum momento nessa campanha, mesmo de forma anônima. Contem com nossas orações.

Que Nossa Senhora os conduza ao caminho da santidade.

O APOSTOLADO DA FSSPX EM UMA PRISÃO NOS ESTADOS UNIDOS

news-header-image

Fonte: DICI – Tradução: Dominus Est

Um Retiro Inaciano foi conduzido pela FSSPX sob circunstâncias excepcionais: trancados a chave em Lamesa, Texas.

No início deste verão, um padre da Fraternidade teve o privilégio de pregar os Exercícios Inacianos a 40 detentos de uma prisão no oeste do Texas (EUA).

A Unidade Preston Smith, parte do sistema penitenciário em Lamesa, Texas, pode acomodar mais de 2.200 presos, em diferentes graus de confinamento. Esta prisão tem a grande graça de contar com um dedicado catequista católico tradicional, o Sr. Michael Banschbach, que visita a prisão duas vezes por mês para instruir na fé entre 40 e 50 prisioneiros. Como você pode se lembrar, da entrevista na edição de maio-junho de 2016 da Revista The Angelus, o Sr. Michael Banschbach mora em Midland, Texas, com sua grande família. Sob os auspícios e com a bênção dos sacerdotes da Fraternidade, ele iniciou um apostolado na prisão, que deu muitos frutos em todo o estado.

A prisão veio sediar o retiro após um encontro casual do capelão com um padre da Fraternidade que visitava o local para celebrar a Santa Missa para alguns dos internos. No decorrer da conversa, surgiu o tema dos Exercícios Inacianos. Alguns meses depois, o capelão da prisão perguntou ao Sr. Banschbach: “quando aquele padre virá aqui pregar um retiro?”

Então, depois de obter permissão do Superior de Distrito e de tomar as providências necessárias, o Retiro foi planejado para ocorrer entre 10 e 12 de maio de 2018. Logisticamente, as circunstâncias eram compreensivelmente muito difíceis. Os presidiários foram confinados em compartimento único – neste caso, o ginásio – e o tempo previsto era das 8:00h às 20:00h. Não havia possibilidade, como normalmente se tem em um retiro, para sair para uma caminhada ou voltar a o quarto. Os dias de 12 horas acabaram sendo dias de 14h, graças à intervenção do capelão da prisão com o diretor, que nos permitiu estendê-lo até as 22:30h. Continuar lendo

A CURA DA VIRILIDADE

Destruição de Sodoma e Gomorra, pintura de John Martin (1852)

Fonte: Boletim Permanencia

A virilidade é uma doença mental que tem levado os homens à morte, seja por suicídio, seja por doenças provocadas pelo consumo de álcool, cigarros, má alimentação ou a simples recusa em obedecer aos preceitos da medicina. A conclusão, exposta em artigo da revista da American Psychological Association (APA), foi duramente criticada pelo psicólogo Roberto Marchesini, num texto publicado no site italiano La Nuova Bussola Quotidiana, e traduzido por Rafael Salvi para a Gazeta do Povo.

A ideia pode parecer uma piada, mas quem tem idade suficiente para ter acompanhado a evolução do politicamente correto sabe como essas coisas acabam: Leis.

Como ressalta Marchesini, a American Psychological Association é a mais importante associação profissional de psicólogos do mundo. Portanto, quando sua revista afirma que “treze anos de trabalho, compreendendo mais de 40 anos de pesquisa, demonstram que a masculinidade tradicional é psicologicamente danosa” diferentes e contraditórios alertas se acendem em todo mundo, anunciando novas batalhas pela frente.

Não é preciso muita imaginação para perceber que “virilidade” aqui é facilmente conversível em “machismo”. Portanto não é absurdo prever que logo se estará falando a serio em “cura da virilidade”.

DESEJO DE MATAR

Auschwitz: uma fonte de inspiração

Fonte: Boletim Permanencia

De todos os trocadilhos possíveis para os chamados “Países Baixos” o que lhes serve melhor é o que traduz a baixeza moral em que se encontram. Nenhum dique furado ou destruído causaria igual dano e mortandade como as leis progressistas e vanguardistas de aborto, “eutanásia”, “suicídio assistido infantil”, e as pró “homossexualismo” e “transgenderismo”.

Hoje nos debruçamos sobre o caso do assassinato disfarçado de “eutanásia” ou “suicídio assistido” na Bélgica. O emprego desses termos eufemísticos esconde uma brutalidade e insensatez que começa a chamar atenção dos países vizinhos.

Esta semana foi noticiado que a Corte Europeia de Direitos Humanos aceitou ouvir o caso de uma mãe belga de 64 anos cuja “eutanásia” foi autorizada pela sua psiquiatra Dra Lieve Thienpont, mas que, segundo o advogado do filho, estava em tratamento de depressão, mas em bom estado clínico de saúde.

A investigação do caso está se revelando estarrecedora, e trouxe à tona outros casos similares, por vezes mais chocantes.

Caso do Dr Marc Van Hoey, o Doutor Morte belga, que diz sentir-se orgulhoso de ter “ajudado” a matar 140 pessoas, incluindo dois de seus amigos. Continuar lendo

THE ECONOMIST CODE

Fonte: Boletim Permanencia

Há 33 anos, a revista inglesa The Economist publica, na capa de sua edição especial de dezembro, o que seriam previsões para o ano seguinte ocultas em figuras e desenhos enigmáticos, que misturam mensagens criptografadas, personagens óbvios e datas supostamente relevantes. Tudo isso aparece com ares de agenda semi-oculta, que indica aos ‘iniciados’ as próximas pautas da revista e da grande imprensa.

Decifrar esse criptograma é um exercício divertido. E pode ser instrutivo também.

A deste ano é inspirada em Leonardo Da Vinci, um dos patronos da modernidade, um ícone de criatividade e extravagância. Sobre um mapa mundi impresso em um pergaminho renascentista, se destaca o “Homem Vitruviano”, transfigurado por símbolos modernos e cercado de imagens que aludem a figuras e eventos, às vezes de um modo claro, às vezes de um modo obscuro. Comecemos pelo óbvio.

As urnas com as bandeiras de África do Sul e Nigéria são uma referência às eleições gerais que acontecerão nesses dois países este ano.

O buldogue vestido com a bandeira do Reino Unido, com a legenda “Britain beyond Brexit” (escrita no modo invertido usado por Da Vinci e que exige um espelho para ser lido) aponta para a votação do acordo de saída da Grã-Bretanha do bloco europeu, marcada para o próximo dia 15. Continuar lendo

REVISTA “GUARDE A FÉ” – Nº 2

Já está disponível (para compra ou como parte da assinatura) o número 2 da Revista Guarde a Fé, publicação da Fraternidade Sacerdotal São Pio X no Brasil:

*****************************
A Revista “Guarde a Fé – Nº 1 pode ser vista e adquirida clicando aqui

AJUDE-NOS! NOSSA CAMPANHA CONTINUA!

CAPELAPrezados amigos, prezados leitores e benfeitores, louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

Vocês que acessam e gostam de nosso blogvocês que acompanham as ações da FSSPX pelo mundo, vocês que lutam pelo Reinado Social de Nosso Senhor, vocês que sabem que a Tradição é a única solução para a restauração a Igreja… AJUDE-NOS! 

Estamos, mais uma vez, pedindo vossa ajuda nessa campanha em prol da compra de um terreno e futura construção de mais uma Capela para a Tradição e para a Santa Igreja. Sabemos que o caminho é longo e árduo, por isso, toda ajuda é importante.

CLIQUE AQUI PARA ALGUMAS PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE O PROJETO

OU

CLIQUE AQUI E LEIA O TEXTO COMPLETO DA CAMPANHA!

Faça um gesto nobre de caridade, por amor à Santa Igreja!!

Ad Majorem Dei Gloriam

Aproveitamos para agradecer a todos que nos ajudam ou ajudaram em algum momento nessa campanha, mesmo de forma anônima. Contem com nossas orações.

Que Nossa Senhora os conduza ao caminho da santidade.

MÁQUINA MORTÍFERA

Fonte: Novo Boletim Permanencia

Até onde ainda pode ir a banalização das relações? No caso, a pergunta ainda pode ser mais específica: até onde ainda pode ir a negação da vida e da própria espécie? A pílula do dia seguinte, uma espécie de aborto do aborto, prenuncia a absoluta irresponsabilidade e indiferença sexual, a redução do ato sexual a uma função fisiológica sem outra consequência que o alívio provisório da concupiscência.

Nos Estados Unidos, no campus da Universidade de Yale, a pílula do dia seguinte estará disponível nas máquinas de vender bebidas e guloseimas já na volta das férias de inverno. Aperta-se um botão e, em troca de uma moeda, da mesma máquina que poderia expelir um refrigerante ou uma batata frita, irá saltar uma pílula abortiva.

Por ora, essa é ainda a alternativa ‘última’, depois de falharem todos os outros meios de evitar a fertilização. Chegará o dia em que essa pílula se torne tão segura e efetiva que substitua os outros meios?

Parece que não. As pílulas do dia seguinte são uma espécie de extintor de incêndio, usado por mulheres que já utilizam um ou mais métodos contraceptivos, mas que por alguma razão recorrem a ela para não engravidar, seja evitando o encontro do óvulo com o espermatozóide (fertilização), seja evitando a implantação (nidação) do ovo (óvulo fecundado) na parede uterina, isto é, uma espécie de aborto, pois provoca a morte de um ser humano.

Como hoje as mulheres normalmente não demonstram nenhum impedimento moral para o uso de quaisquer meios de contracepção, o que passou a acontecer desde o fim do século XX é uma preocupação maior com as doenças sexualmente transmissíveis (DSTs).

A ‘camisinha’ foi e é distribuída de graça ou com grande facilidade para todas as pessoas desde os 13 anos. Em segundo lugar, as meninas passam a tomar pílulas muito cedo, consentidas ou mesmo estimuladas por pais e médicos. Assim passam a cobrir dois momentos da dinâmica da fertilidade, o ato sexual em si e a ovulação.

A pílula do dia seguinte já é usada no Brasil sem receita médica. E claro, sua popularidade aumentou muito desde 2005, mas o seu uso ubíquo e frequente mostrou se tratar de droga com riscos à saúde. Além disso, países “desenvolvidos” como os EUA oferecem concorrentes a este público: o aborto praticado pelo médico e a pílula abortiva propriamente dita.

Por estas razões, e outras como aumento da infertilidade, da sodomia e do lesbianismo, além da perda da libido, essas pílulas vêm perdendo consumidoras e sendo substituídas por um método antigo e mais perverso: o DIU. O DIU funciona impedindo a passagem do espermatozóide, a nidação do ovo, ou mesmo pela inibição da ovulação, quando é liberador de hormônio.

Outro ponto importante é o conceito de ‘empoderamento’ feminino. Parte da proposta de se vender essas pílulas em máquinas automáticas é lisonjear os egos das novas feministas, que advogam mais direitos sobre “seus corpos”, e igualdade de opções com seus pares masculinos. Querem fazer crer que essa ‘ciência’ é machista e por isso não desenvolve métodos similares para os homens.

No fim as potestades infernais saem ganhando de uma ou doutra maneira, pois essa banalização do sexo leva necessariamente ao desprezo da vida e da espécie humanas.

O saudoso Nelson Rodrigues já anunciava e repetimos com ele: “Sou contra a pílula, e ainda mais contra a ciência que a inventou; a saúde pública que a permite; e o amor que a toma.” 

 

LANÇAMENTO DO BOLETIM PERMANÊNCIA

O dia 6 de janeiro, festa da Epifania de Nosso Senhor, seria também aniversário de Julio Fleichman, meu pai, que participou junto a Gustavo Corção e outros alunos e amigos, da fundação da Permanência, em 1968. 

Dr. Júlio, como era conhecido, presidiu o movimento e dirigiu a Revista Permanência entre 1969 e 2003. Dois anos depois de ceder o cargo, veio a falecer, vítima de um câncer no cérebro.

Levados pelo alto nível intelectual e religioso de Gustavo Corção, os amigos da Permanência sempre pautaram o trabalho na formação profunda e séria da doutrina católica, em seus diversos pontos.

No entanto, iniciaram nos anos 70 o Boletim Permanência, com o objetivo de oferecer aos seus leitores textos mais curtos sobre assuntos de atualidade política, civilizacional ou cultural. 

A Revista Permanência foi relançada, após 22 anos de inatividade, com o número de Natal de 2011, e consolidou-se como órgão trimestral de formação católica tradicional no Brasil. 

Por iniciativa da equipe de colaboradores da Revista Permanência, relançamos hoje a edição digital do Boletim Permanência, que nossos leitores encontrarão no seguinte link:

boletim.permanencia.org.br

Complementar ao site Permanência, o Boletim mantém a mesma postura daquele lançado por Julio Fleichman: textos curtos, análises de fatos noticiados na mídia, política, cultura, fatos religiosos relevantes etc.

Porém, enquanto o site de formação mantém atualizações semanais e artigos mais longos, o boletim é atualizado todos os dias, ou mesmo várias vezes ao dia, dependendo dos acontecimentos.

Convidamos nossos leitores a freqüentarem  assiduamente essa nova página da Permanência.

Dom Lourenço Fleichman OSB

O FUTURO DA IGREJA E DAS VOCAÇÕES

Tradução: Permanencia

O Pe. Davide Pagliarani, Superior Geral da Fraternidade São Pio X, concedeu uma entrevista exclusiva ao site oficial do Distrito Francês da FSSPX, La Porte Latine, na qual relembra a fecundidade da Cruz para as vocações e as famílias. Ele enfatiza particularmente a necessidade de guardar o espírito autêntico do fundador, Dom Marcel Lefebvre, “um espírito de amor pela fé e pela verdade, pelas almas e pela Igreja”, em face da recente canonização de Paul VI e da promoção da sinodalidade na Igreja.

Faz agora cinco meses que o senhor foi eleito Superior Geral da Fraternidade São Pio X, para um mandato de doze anos. Estes cinco meses certamente lhe permitiram uma primeira visão geral sobre a obra fundada por Dom Marcel Lefebvre, em complemento à sua já rica experiência pessoal. Qual a sua impressão e quais as prioridades para os próximos anos?

A Fraternidade é uma obra de Deus, e quanto mais a conhecemos, mais a amamos. Duas coisas mais me impressionaram. Primeiro, o caráter providencial da Fraternidade: ela é o resultado de escolhas e decisões de um santo guiado unicamente por uma prudência sobrenatural e “profética”, cuja sabedoria apreciamos mais e mais à medida que os anos passam e a crise da Igreja se agrava. Depois, pude constatar outra vez que não temos a regalia de sermos poupados: o Bom Deus santifica todos os nossos membros e fiéis mediante os fracassos, as provas, as decepções, em uma palavra, pela cruz e não por outros meios.

Com 65 novos seminaristas este ano, a Fraternidade atingiu o recorde de ingressos em seus seminários dos últimos trinta anos. O senhor foi reitor do seminário de La Reja, na Argentina, durante quase seis anos. Como pretende favorecer o desenvolvimento de vocações ainda mais sólidas e numerosas?

Estou persuadido de que a verdadeira solução para aumentar o número e a perseverança das vocações não reside principalmente nos meios humanos, ou por assim dizer, “técnicos”, tais como boletins informativos, visitas apostólicas ou publicidade. Antes de tudo, uma vocação para nascer precisa de um lar onde se ame a Nosso Senhor, à Cruz e ao seu sacerdócio; um lar onde não se respira amargura nem crítica para com os padres. É por osmose, ao contato com pais verdadeiramente católicos e com padres profundamente impregnados do espírito de Nosso Senhor, que uma vocação desperta. É nesse âmbito que se deve continuar trabalhando com todas as nossas forças. Uma vocação jamais é o resultado de um raciocínio especulativo, nem de uma lição que tenhamos recebido e com a qual estejamos intelectualmente de acordo. Esses elementos só podem ajudar a responder ao chamado de Deus sob a condição de se seguir aquilo que dissemos antes. Continuar lendo

FOTOS DA 17ª FORMAÇÃO DA FSSPX (2018)

Entre os dias 15 e 18 de Novembro aconteceu a 17ª Formação do MJCB, com tema “A Vida Espiritual”.

Estiveram presentes 9 padres e quase duas centenas de fiéis, vindos dos mais diversos priorados, centros de missa e regiões do país.

O local, próximo à cidade de Santa Branca/SP, propiciou momentos de aprendizado, oração, descanso e lazer.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Graças ao número de sacerdotes presentes, os fiéis puderam se beneficiar da missa diária e de várias missas privadas concomitantes, bem como do sacramento da Penitência sempre que fosse preciso.

Este slideshow necessita de JavaScript.

As conferências ministradas pelos padres contaram com assistência sempre atenta e muitas perguntas ao final…

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Rev. Padre Jesus Mestre Roc, professor do seminário de La Reja e convidado especial, além de ministrar uma excelente conferência, falou também sobre o seminário aos jovens

Como de costume, a Formação é também oportunidade para que os fiéis de toda parte tenham oportunidade de conversar com os sacerdotes…

Este slideshow necessita de JavaScript.

Não faltou também a tradicional partida de futebol entre os participantes:

001-53

A Formação foi oficialmente encerrada, no Domingo, com a missa solene celebrada pelo padre Jesus Mestre.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A costumeira foto do grupo, ao final:

001-90-1

FonteFSSPX – Crédito das fotos: Sr. José Roberto dos Santos

UM GESTO NOBRE DE CARIDADE

CAPELAPrezados amigos, prezados leitores e benfeitores, louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo.

Vocês que acessam e gostam de nosso blogvocês que acompanham as ações da FSSPX pelo mundo, vocês que lutam pelo Reinado Social de Nosso Senhor, vocês que sabem que a Tradição é a única solução para a restauração a Igreja… AJUDE-NOS! 

Estamos, mais uma vez, pedindo vossa ajuda nessa campanha em prol da compra de um terreno e futura construção de mais uma Capela para a Tradição e para a Santa Igreja. Sabemos que o caminho é longo e árduo, por isso, toda ajuda é importante.

CLIQUE AQUI PARA ALGUMAS PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE O PROJETO

OU

CLIQUE AQUI E LEIA O TEXTO COMPLETO DA CAMPANHA!

Faça um gesto nobre de caridade, por amor à Santa Igreja!!

Ad Majorem Dei Gloriam

Aproveitamos para agradecer a todos que nos ajudam ou ajudaram em algum momento nessa campanha, mesmo de forma anônima. Contem com nossas orações.

Que Nossa Senhora os conduza ao caminho da santidade.

COMUNICADO DA CASA GERAL DA FSSPX SOBRE O ENCONTRO ENTRE O CARDEAL LADARIA E D. DAVIDE PAGLIARANI

Fonte: FSSPX Itália – Tradução: Dominus Est

Na quinta-feira, 22 de novembro, D. Davide Pagliarani, Superior Geral da Fraternidade São Pio X, esteve em Roma, a convite do Cardeal Luis Ladaria Ferrer, Prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé. D. Davide foi acompanhado por D. Emanuele du Chalard. O Cardeal Ladaria foi assistido por Mons. Guido Pozzo, Secretário da Pontifícia Comissão Ecclesia Dei .

O encontro foi realizado nos escritórios da Congregação para a Doutrina da Fé, das 16h30 às 18h30. Seu objetivo era permitir que o cardeal Ladaria e D. Pagliarani se reunissem pela primeira vez e fizessem juntos um balanço das relações entre a Santa Sé e a Fraternidade São Pio X, depois da eleição do novo Superior Geral em julho passado.

Durante o encontro com as autoridades romanas, lembrou-se que o problema fundamental é de natureza puramente doutrinária, e nem a Fraternidade nem Roma podem eludi-lo. É precisamente por causa dessa irredutível divergência doutrinal que todas as tentativas de redigir um esboço de uma declaração doutrinal aceitável para ambos os lados fracassaram nos últimos 7 anos. Por isso que a questão doutrinal permanece absolutamente primordial.

A própria Santa Sé não diz nada de diferente quando afirma solenemente que o estabelecimento de um estatuto jurídico para a Fraternidade não poderá ser feito senão após a assinatura de um documento de caráter doutrinal.

Portanto, tudo leva a Fraternidade a retomar a discussão teológica, consciente que Deus não lhe pede, necessariamente, que convença seus interlocutores, mas que ofereça à Igreja o testemunho incondicional da Fé.

O futuro da Fraternidade está nas mãos da Providência e da Santíssima Virgem Maria, como demonstra toda a sua história, desde a sua fundação até hoje.

Os membros da Fraternidade não querem fazer outra coisa senão servir a Igreja e cooperar efetivamente em sua regeneração, a fim de dar vida pelo seu triunfo, se assim necessário. Mas não lhes cabe escolher os meios, nem os fins que somente a Deus pertence.

Menzingen, 23 de novembro de 2018

CONFRARIA DOS HOMENS PARA A CASTIDADE

Dom Lourenço Fleichman OSB
Capelão responsável

Confraria dos Homens para a Castidade é uma iniciativa da Capela Nossa Senhora da Conceição, de propor a todos os homens católicos, jovens e adultos, solteiros, casados ou viúvos, um combate mais eficaz e duradouro contra a pornografia e os pecados de impureza que assolam a sociedade moderna de modo assustador. S. Excelência, Dom Alfonso de Galarreta aprovou oficialmente a criação da Confraria.

Oferecemos esta Confraria, este combate singular, aos homens e não às mulheres, por acreditarmos que os homens devem recuperar seu papel na sociedade familiar e na sociedade civil. Papel este deixado de lado por 200 anos de Liberalismo, de hedonismo e de decadência moral da humanidade. Se um homem recupera sua saúde espiritual e a fortaleza própria do seu estado, as mulheres de sua casa, sejam elas mãe, irmãs, esposa ou filhas, seguirão o exemplo dos homens fortes e castos. O resultado esperado é o restabelecimento da ordem da natureza na sociedade, com os homens sendo valorosos, fortes, virtuosos, e as mulheres se espelhando no belo exemplo dos soldados de Cristo para serem elas também santas e virtuosas.

Mas, por favor, não vejam nessa distinção nenhuma sombra de desprezo ou diminuição do papel das mulheres. Não se trata de nada disso, pois é uma questão de vida espiritual, e não de vida social. A espiritualidade masculina é diferente da espiritualidade feminina. A Confraria trabalha nos homens, para favorecer toda a sociedade. Os homens castos elevarão a casa e a cidade a uma vida sob o domínio da graça. Isso é o que importa. Continuar lendo