“TODO ESQUERDISTA É UM DEFORMADO…” – OS FILHOS DO ÓDIO

ARTIGO: Desculpe-me, mas você é um inocente útil |Todo esquerdista é um deformado. E quanto mais culto, quanto mais vinculado aos seus precursores, humanistas no século XVI, “filósofos” ou “esclarecidos” do século XVIII e logo depois, os jacobinos e em seguida os maçons, todos os socialistas de todos os matizes firmam-se obstinadamente em certos postulados arbitrários e na certeza fanática de suas convicções. Quando lhes ocorre chocarem-se com os fatos, pior para os fatos. Se o povo simples, ainda não atingido por suas arengas, repele-os, muitas vezes por simples enfado (são chatíssimos), logo constróem em suas cabeças uma contorção pela qual ficam sendo “reacionários” ou “vendidos” os que não se deixam sensibilizar pelos seus esquemas, todos de conflito: ricos contra pobres, progressistas contra reacionários, inovadores contra “apegados aos seus privilégios de classe”, etc., etc.

Esta deformação mental, porém, tem raízes mais profundas e mais sombrias. Os socialistas são, realmente, almas ressentidas, poços de rancor generalizados, filhos do ódio. Seu ódio, normalmente, volta-se para os que servem-lhes de pretexto ou contra aqueles que lhes barram o caminho.

Que eles são filhos do ódio, sentiu o poeta e exprimiu-o muitíssimo bem. Fernando Pessoa, no seu poema “Ontem à tarde…” (Alberto Caeiro) vai fundo na percepção do que o socialista é: Continuar lendo

CATECISMO ANTICOMUNISTA – PARTE 3

CNBBO SOCIALISMO 

77 Haverá outro meio de preparar os homens para o comunismo?

            Outro meio de preparar os homens para o comunismo é o socialismo. 

78 Que vem a ser o socialismo?

            O socialismo é o sistema que professa que todos os meios de produção, de transporte, o ensino, a assistência, toda a propriedade, devem per tencer ao Estado. 

79 Para o socialismo, qual é o papel do individuo?

            Para o socialismo o individuo é meio e não fim da sociedade. Por isto o Estado deve se ocupar de tudo, e cuidar do indivíduo em todos os setores, deixando a este somente aquilo que o Estado mesmo não pode fazer. 

80 Neste caso, o socialismo é o mesmo que o comunismo?

            Não. O fim de um e outro é o mes mo o estabelecimento de uma sociedade sem classes, a abolição da propriedade privada e da inicia tiva privada, e a entrega ao Estado de todos os meios de produção. A diferença está em que o socialismo procura alcançar estes objetivos com meios brandos, usando da propaganda doutrinária e  das eleições, enquanto que o comunismo prefere recorrer à violência. Os meios são diferentes, mas o fim é o mesmo. O socialismo é como uma rampa pela qual o mundo desliza suavemente da ordem natural e divina para o comunismo.  Continuar lendo

CATECISMO ANTICOMUNISTA – PARTE 2

COMUNA REVOLUÇÃO E A CRISTANDADE

33 Qual é para o comunismo o critério supremo da verdade, da moral e do direito?

            O critério supremo da verdade, da moral e do direito é para o comunismo a ação revolucionária.

           Assim como para o católico o fim supremo é a vida eterna, para o comunista o fim supremo da vida é a Revolução. 

34 Que e a Revolução?

            Revolução, com maiúscula, é a rejeição de Deus, de Cristo, da Igreja, e de tudo o que deles provém, é a organização da vida humana somente segundo a razão humana e as paixões humanas. Seu ideal é a Cidade do homem sem Deus, oposta à Cristandade e à ordem natural, que é a Cidade de Deus.

35 Que é a Cristandade?

            Cristandade é a sociedade temporal organizada segundo Deus, isto é, de acordo com o direito natural e a palavra de Deus, revelada por Jesus Cristo, transmitida, interpretada e aplicada à vida pela Igreja Católica. 

36 Quais são os fundamentos da Cristandade?

            Os fundamentos da Cristandade são dois: o direito natural e a Revelação, trazida por Jesus Cristo e transmitida pela Igreja Católica. Continuar lendo

CATECISMO ANTICOMUNISTA – PARTE 1

ANTIO QUE É O COMUNISMO E O QUE ELE ENSINA

1 Que é o comunismo?

           O comunismo e uma seita internacional, que segue a doutrina de Karl Marx, e trabalha para destruir a sociedade humana baseada na, lei de Deus e no Evangelho, bem como para instau rar o reino de Satanás neste mundo, implantando um Estado ímpio e revolucionário, e organizando a vida dos homens de sorte que se esqueçam de Deus e da eternidade. 

2 Qual é a doutrina que a seita comunista ensina?

            A seita comunista ensina a doutrina do mais completo materialismo.

3 Que ensina o materialismo comunista a, respeito de Deus?

           O materialismo comunista ensina que Deus não existe, e que só existe a matéria.

4 Contenta-se a seita comunista em ensi nar que não há Deus e que só existe a matéria?

           A seita comunista dá grande importância a um materialismo pratico, em que o homem cogita se Deus existe ou não, mas procede, pensa e organiza sua vida sem se incomodar com Deus nem se lembrar dEle. Assim; aos poucos chega também ao materialismo teórico.

           O comunista verdadeiro é materialista teórico e prático, para poder levar seus prosélitos ao caminho aludido.  Continuar lendo